sábado, 31 de dezembro de 2011

Entrevista a Jorge Almeida

Embora seja de acesso a todos, coloco aqui, a entrevista que Jorge Almeida deu, aos microfones da rádio Elvas:

JorgeAlmeida30DEZ
Jorge Almeida, técnico da equipa sénior de ”O ELVAS” Clube Alentejano de Desportos, reconhece que tem “a equipa possível” para disputar o Nacional da III Divisão e assegura que, para já, não estão previstas novas aquisições para o plantel principal.

Jorge Almeida foi o convidado na edição desta sexta-feira, 30 de Dezembro, da "Conversa em Dia" na Rádio ELVAS.
Jorge Almeida deixou ainda os seus votos para o novo ano de 2012 que passam, essencialmente, por assegurar a manutenção da equipa na III Divisão. "In Rádio Elvas"

Ouvir AQUI as declarações.

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Novo Jogador de "O Elvas"

Segundo informações, recolhidas de uma entrevista que o jornal hoy da vizinha Espanha fez com os jogadores Espanhois da equipa azul e oiro, Juan Carlos Carretero será reforço de "O Elvas" em Janeiro. Juan Carlos Carretero é um jovem médio extremo de 19 anos e é natural da vizinha cidade de Badajoz, pelo que sabemos da entrevista, é um jogador que se tem treinado com a equipa do Badajoz que milita na 2 ª Divisão B de Espanha. Mais informações sobre este e outros futuros jogadores da equipa azul e oiro deverão saber-se durante a próxima semana.


Aqui fica o link da entrevista para quem quiser ler:  http://www.hoy.es/v/20111204/deportes/mas-futbol/raya-20111204.html

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Comunicado

Como autor do blog, venho por este meio informar todos os visitantes, que a partir de hoje todos os comentários, antes de serem postados, vão ser analisados por mim. Dado, que nos últimos dias, tem existidos certos visitantes que tem faltado ao respeito uns aos outros e até em alguns casos às pessoas que ajudam este blog a funcionar, vou começar a ser mais selectivo nos comentários. Não queria fazer isto, pois deveríamos todos ser civilizados e aceitar as opiniões de cada um, mas já que em muitos casos não acontece a partir de agora vai ser assim. Todos os vossos comentários, são bem vindos, eu (autor do blog) e as várias pessoas que directa ou indirectamente ajudam a que este funcionem dentro das limitações que existem, não querem em modo algum por em causa o trabalho de Jorge Almeida, da equipa ou da Direcção, simplesmente gostamos de dar a nossa opinião e ajudar ao máximo.  Ao longo da existência deste blog, eu próprio muitas vezes critiquei a direcção ou até o próprio Jorge Almeida, mas com o intuito de que as minhas criticas fossem construtivas o máximo possível para que essas pessoas (que eu sei que acompanham este blog), saibam que os sócios e adeptos estão atentos e querem ajudar "O Elvas". 

Muitas das vezes nós que estamos fora das quatro linhas, conseguimos ter uma apreciação mais completa dos jogos de quem acompanha no banco de suplentes (tanto que vários treinadores na Inglaterra costumam acompanhar os jogos de lugares mais altos para verem isso mesmo) , e com isso o colaborador que faz a crónica "Treinador de Bancada", consegue analisar de uma forma mais complexa certas situações, e quando as dá aqui na sua crónica é para que Jorge Almeida, veja e da próxima vez tente alterar (se ele o entender). Ninguém aqui, quer o lugar de treinador, ninguém aqui quer o lugar de presidente. O que queremos é  "O Elvas" na 3ª Divisão e a jogar bom futebol (dentro das possibilidades). Para acabar desejo um Feliz e Santo Natal e um Bom Ano 2012. Até para o ano.

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Questão

Acha que "O Elvas" deverá contratar mais jogadores? Se sim, quais os sectores que necessitam de alterações? E que jogadores da região ou outros que conheçam, gostariam de ver no "O Elvas"?

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Treinador de Bancada

Treinador de bancada trata-se de um espaço de crítica que é redigido pelo nosso colaborador CV que semanalmente ou quinzenalmente (depende da disponibilidade) irá fazer sobre os jogos de "O Elvas".

 Desta vez a equipa apresentou uma grande atitude mental, ultrapassando obstáculos como a equipa de arbitragem e a sua própria condição física, que só foi superada graças à motivação disponibilizada para este jogo, como se de uma final se tratasse e aí devemos dar um elogio ao treinador que parece ter mentalizado os jogadores, com um único objetivo- a vitória. Em relação a aspetos técnico/táticos, mais uma vez a equipa sofreu alterações estruturantes e de posicionamento dos jogadores em campo, o que não pode acontecer, na medida em que, não pode haver automatismos quando se muda constantemente o onze inicial, com permutas sucessivas nos três sectores da equipa.

É verdade que na primeira parte do jogo existiu pressing sobre o adversário, cortando-lhe as linhas de passe e evitando as transições ofensivas do Alcochetense e ao mesmo tempo teve momentos de posse de bola e ataque organizado, embora a circulação de bola não funcionasse bem, devido à falta de qualidade de passe do meio campo elvense, mas de qualquer forma há uma significativa melhoria no seu desempenho e dinâmica de jogo.

Na segunda parte, nos primeiros 25 minutos a equipa quebra fisicamente e os dois golos do Alcochetense fazem quebrar a equipa também animicamente e só com o golo do jogador Álvaro O Elvas ganha esperança à base da força de vontade dos jogadores, a equipa aventura-se e faz recuar o adversário desbloqueando as duas linhas defensivas, utilizando o jogo aéreo conseguiu intimidar o Alcochetense e chegar à Victória.

Relativamente aos jogadores Álvaro (médio defensivo) e Djaniny (ponta-de-lança), não se compreende a sua não inclusão no onze inicial, na medida, em que são os únicos jogadores das respectivas posições e sendo o plantel muito reduzido é estranho num jogo em casa e que é para ganhar, e jogar com um médio criativo a ponta-de-lança, como é o Eduardo, como podemos explicar isto?

Quando se faz a avaliação dos jogos não é para destruir o clube ou o treinador, é única e simplesmente para alertar de possíveis correções, porque quando se diz que existiram equívocos técnico/táticos, não queremos afirmar que a equipa técnica não trabalha, o que acontece é que por vezes nos equivocamos na metodologia aplicada, para um conjunto de jogadores com uma determinada caracteristica, e de acordo com o adversário. O treinador tem que ter uma ideia clara do padrão de jogo que necessita para a sua equipa e montar uma estratégia adequada, para atingir um fim.

Este conjunto de jogadores, com a equipa técnica e a Direção, com um bom trabalho e empenho, pode perfeitamente evitar a despromoção e ter de volta a massa associativa no estádio.

"O Elvas" vence o Alcochetense po 3-2

O médio Danilo garantiu este domingo os 3 primeiros pontos no Municipal Patalino para "O Elvas" a contar para a 12ª jornada do Campeonato Nacional da 3ª Divisão Série E, ao apontar o 3-2 final, na primeira jornada da 2ª volta.


Num jogo de tudo ou nada, "O Elvas" tinha obrigatoriamente de ganhar e conseguiu, embora não tenha conseguido impor o seu jogo e a vitória tenha sido obtida com alguma sorte à mistura (que também já merecíamos).
 "O Elvas" consegue assim uma grande vitória que poderá mudar o rumo desta equipa.


1ª Parte - Foram 45 minutos interessantes por parte da equipa azul e oiro, mas que ainda não era o suficiente para estar em vantagem no marcador. Embora o futebol praticado não fosse ainda o desejado, viu-se mais bola, mais vontade em campo mas faltou claramente o golo.

2ª Parte - A segunda parte começou com o golo do Alcochetense aos 11 minutos com golo de Luís Costa. Com este golo a equipa do Alcochetense começou a acreditar cada vez mais na vitória e conseguiu chegar ao 2ª golo ao minuto 16 numa jogada de contra ataque em que Rui Martins numa infelicidade coloca o esférico na própria baliza. "O Elvas" via-se a perder e a equipa cada vez mais a desligar-se do jogo, até que aos 80 minutos Álvaro que tinha saltado do banco consegue um bom remate à entrada da área e marca o seu primeiro golo com a camisola azul e oiro, a partir daí "O Elvas" ligou de novo e conseguiram chegar ao 2ª golo por intermédio de um canto de Eduardo que João Carapinha não perdoa e converte fazendo assim o empate ao minuto 92. Quando já todos acreditávamos no empate eis que aparece Danilo e ao minuto 95 faz o 3 - 2 dando assim a vitória para "O Elvas".

No geral, foi um jogo de futebol equilibrado com um ponto negativo para a equipa do "O Elvas" que quando sofreu o 2º golo desligou completamente do jogo e poderia ter sofrido mais golos, não fosse o Alcochetense estar satisfeito com a vantagem de 2 golos. De destacar mais uma vez, o árbitro da partida que claramente teve 2 pesos e 2 medidas, contra a equipa de "O Elvas". 

Na minha opinião, esta equipa pode ainda ser melhor, é verdade que hoje ganhámos mas não podemos só ver a vitória em si, temos também de ser criticos e analisar que Jorge Almeida cometeu alguns erros de estratégia, pois "O Elvas" entrou com um 11 mais defensivo, coisa que em casa não o podemos fazer. Para mim Djaniny e Álvaro deveriam jogar de inicio e Jorge Almeida deveria ter um onze base e não andar quase todas as jornadas a trocar jogadores.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

"O Elvas" vs Alcochetense

Domingo, dia 18 de Dezembro, pela 15 horas, joga-se a 12ª jornada do campeonato nacional de 3ª Divisão Série E,  "O Elvas" vs Alcochetense é o jogo de tudo ou nada para os comandados de Jorge Almeida, já que Eurico Candeias aquando da entrevista da contratação de João Cordeiro, deixou o aviso de que se "O Elvas" perder neste domingo, já não irá haver mais mexidas no plantel, o que significa que é o adeus à 3ª Divisão por parte da equipa azul e oiro, dado que o actual plantel não tem tido bom desempenho e que existem agumas lacunas na equipa, pode-se dizer que se não existir mais nenhuma contratação que as probabilidades de este plantel conseguir a manutenção é complicada. "O Elvas" que na primeira jornada deste campeonato defrontou e perdeu contra o Alcochetense por 3 bolas a 1. De lembrar que este é o primeiro jogo da segunda volta do campenotado. Espero que a nossa equipa consiga ganhar, pois é importante não baixarmos já os braços visto que ainda estão 33 pontos em jogo e que estamos a 7 pontos do 5º lugar é completamente possivél alcançar os nossos adversários directos e a respectiva manutenção.


A equipa deverá alinhar com: Leonardo, Filipe Branco, Javi Pérez, Bruno Vidigal, Rui Martins, Álvaro, Roberto Paredes, Dámian, Eduardo, Glaedson e Djaniny.

Obs: Não incluo o João Cordeiro no 11 incial, pois acho que ainda não deverá ter as condições de ambientação suficiente aos seus novo colegas para jogar.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Novo jogador de "O Elvas"

Como se previa, o plantel sofreu mais uma mudança esta época, Ricardo Rodriguez que tinha chegado há pouco mais de 2 meses, saiu do clube e para seu lugar foi contratado João Cordeiro defesa lateral que nas últimas épocas representava o Campomaiorense, de lembrar que este jogador já passou pelo O Elvas. Deixamos aqui o artigo da noticia da rádio campanário:


O lateral de 26 anos, ex-Campomaiorense, é jogador do Elvas. A chegada de João Cordeiro serve para colmatar a saída de Ricardo Rodriguez – contratado no inicio da época ao Arronches e recentemente dispensado.

O jogador já assinou e o contrato é válido até final da presente temporada.



 Cordeiro regressa ao clube que já representou (2004/05 e 2006/07) e onde sofreu uma grave lesão que lhe provocou um traumatismo craniano. Uma situação que colocou em risco a própria vida do atleta e que quase o afastou definitivamente dos relvados.

O ex-capitão dos galgos envergou a camisola do Campomaiorense durante 10 épocas, clube onde fez toda a formação enquanto jogador de futebol.

Em entrevista à Rádio Campanário Eurico Candeias, presidente dos “azul-e-ouro”, considera que o investimento no plantel depende do resultado do próximo jogo: “Ainda não atiramos a toalha ao chão mas se perdermos não vale a pena reforçar mais a equipa”.

A continuidade do treinador Jorge Almeida está garantida: “Tem a confiança do presidente e direcção do clube”, disse Eurico Candeias.

Oiça AQUI as palavras de Eurico Candeias aos microfones da Rádio Campanário.

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Questão

Se por acaso Jorge Almeida fosse despedido ou saísse de "O Elvas" quem escolheriam para ser o próximo treinador da equipa azul e oiro?

Treinador de Bancada

Treinador de bancada trata-se de um espaço de crítica que é redigido pelo nosso colaborador CV que semanalmente ou quinzenalmente (depende da disponibilidade) irá fazer sobre os jogos de "O Elvas".


Não vem sendo fácil fazer a análise aos jogos de O Elvas, na medida em que todas as semanas se cometem os mesmos erros e se vão somando derrotas atrás de derrotas, sem que alguém ponha mão nisto. Um elevado número de derrotas da equipa elvense, faz com que a desconfiança ameace a estrutura mental da equipa. O jogo teve duas partes distintas. No primeiro tempo, O Elvas teve cerca de 15 minutos com alguma posse de bola e transições ofensivas que criaram jogadas, que poderiam resultar em golo, mas rapidamente se sumiu, regressando ao padrão de jogo que nos tem habituado neste campeonato.

Normalmente as equipas são o espelho do seu treinador e aquilo que se verifica é que a equipa técnica não tem mão neste balneário, para que a equipa tenha uma distribuição posicional e dinâmica de jogo, adequada para não permitir que o adversário ataque sem pressão e sem oposição e também sem resposta (contra golpe), e foi aquilo que mais uma vez aconteceu. E só não foram 6 ou 7 golos porque o adversário foi perdulário. Eu pergunto, será que esta equipa sabe fazer pressing e circulação de bola? Aquilo que se vê é que estes automatismos não são treinados e já não falo da condição física, factor importante que venho falando ao longo do campeonato. Por muito fracos que sejam os jogadores ao nível técnico, mas se não existir metodologia de treino e se os jogadores não forem motivados para apresentarem um bom desempenho mental e físico em campo, nem o melhor jogador do mundo obtêm rendimento satisfatório.

 Como é evidente a segunda parte do jogo foi uma derrocada total, atacando desesperadamente e sem ordem, o que originou, transições rápidas do adversário, transformadas em golos e muitas oportunidades.

É um erro grave por parte do treinador criticar os jogadores publicamente, em vez de os corrigir e ensinar, pois a crítica deve ser feita em lugar certo e com a respectiva correcção, porque muitas vezes jogadores estimulados psicologicamente são uma equipa mais forte, e com estas atitudes aquilo que se obtêm é precisamente o contrário. E para finalizar, aquilo que nunca se deve fazer é aceitar um cargo para o qual não estamos capacitados.

domingo, 11 de dezembro de 2011

Classificação

 Aqui fica a tabela classificativa do campeonato da 3ª Divisão Série E:


Posição
Equipa
P
J
V
E
D
GM
GS
1
24
11
7
3
1
15 5
2
21
11
6
3
2
16 8
3
16
11
4
4
3
15 12
4
Pêro Pinheiro
15
11
3
6
2
14 12
5
Eléctrico
14
11
3
5
3
9 8
6
14
11
4
2
5
12 13
7
14
11
3
5
3 15 17
8
Olímpico Montijo
13
11
3
4
4
16 16
9
13
11
3
4 4 14 16
10
SL Cartaxo
13
11
2
4
4 15 19
11
12
11
2
3 5 14 15
12
7
11
2
1
8 11 25

"O Elvas" perde com o SL Cartaxo por 3-1

"O Elvas" perde no Cartaxo por 3-1, a contar para a 11ª Jornada do Campeonato Nacional da 3ª Divisão Série E, e continua assim no último lugar, cada vez mais distante da manutenção na 3ª Divisão.


Num mau jogo de futebol, "O Elvas" entrou com uma equipa mais defensiva que no entanto não chegou para anular o ataque do SL Cartaxo que conseguiu marcar 3 golos. Acentua-se assim as probabilidades de descida por parte dos comandados de Jorge Almeida.


Os azuis e oiro entraram com mais posse de bola, mas, não conseguiram dar seguimento a essa posse e o SL Cartaxo conseguiu equilibrar, tendo inclusive começado a comandar o jogo e chegando assim aos golos. Serginho aos 32 minutos e  Tiago Dias aos 45 minutos fizeram os 2 golos da equipa do SL Cartaxo na 1ª parte.

Na 2ª parte "O Elvas", entrou com vontade de mudar o resultado, mas não conseguiu. Destaque para a expulsão de Ricardo Rodriguez por palavras ao arbitro da partida que não mais de 15 minutos esteve em campo. Se as coisas já não estavam nada bem, esta situação veio ainda mais prejudicar a equipa e assim a equipa do SL Cartaxo chegou ao 3º golo por intermédio de Marmelo ao minuto 79. Quando já não se esperava, Djaniny consegue fazer o golo de "honra" para "O Elvas"  ao minuto 83 e fecha assim o resultado deste encontro em 3-1 a favor do SL Cartaxo.  A equipa do SL Cartaxo foi assim uma justa vencedora.

No geral, foi um jogo em que mais uma vez, se nota a falta de um treinador que meta estes jogadores a jogar futebol, em 6 meses a jogar (na maioria) em conjunto, estes jogadores já deveriam saber jogar em equipa, coisa que ainda não se vê e que a meu ver é o espelho do actual campeonato que "O Elvas" vem fazendo. Sei que muitos defendem o Jorge Almeida, mas acho que está na hora, deste senhor sair para bem do clube pois é erros atrás de erros que este senhor vem fazendo, se não vejamos, Rui Martins a lateral já todos vimos que o miúdo não dá para aquela posição, para mim apostava num júnior que seja lateral de raiz, outra situação que o Jorge Almeida não faz é apostar no único avançado centro que temos que é o Djaniny que hoje nos deu o golo de "honra". Outra situação que aponto ao Jorge Almeida é o facto de eu não conseguir ver a equipa jogar em conjunto, o que demonstra falta de rotinas entre os jogadores, que se treina nos treinos diários que a equipa faz. É certo que o plantel não é o que esperamos mas com um treinador melhor acho que poderíamos melhorar.

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

SL Cartaxo vs "O Elvas"

Domingo dia 11 de Dezembro pelas 15:00 horas, disputar-se-á no Estádio Municipal do Cartaxo, a 11ª jornada do campeonato nacional da 3ª Divisão Série E. Na última posição "O Elvas" com 7 pontos, desloca-se até ao Cartaxo, para defrontar o Sport Lisboa e Cartaxo que é penúltimo com 10 pontos (mais 3 que "O Elvas"). Equipas que já se encontraram por 6 vezes, tendo um saldo negativo para "O Elvas" com 2 vitórias, 1 empate e 3 derrotas. Prevê-se mais uma vez, como tem sido habitual esta época que seja um jogo de tripla, pois a equipa orientada por Jorge Almeida, não tem conseguido manter a regularidade que se deseja para que aposte, numa vitória de "O Elvas". Mas se a equipa jogar como jogou na última jornada contra o Sacavenense, acredito que possamos trazer os 3 pontos para Elvas e assim largarmos o último lugar e subir uma posição na tabela classificativa que para além de ser uma vitória motivadora poderá ser também um ponto de viragem para a equipa em aspectos anímicos e psicológicos.


O plantel de "O Elvas" deverá ter a seguinte constituição: Leonardo, João Carapinha, Filipe Branco , Ricardo Rodriguez, Bruno Vidigal, Álvaro, Roberto Paredes, Eduardo, Damián, Glaedson e Djaniny.

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Treinador de Bancada

Treinador de bancada trata-se de um espaço de crítica que é redigido pelo nosso colaborador CV que semanalmente ou quinzenalmente (depende da disponibilidade) irá fazer sobre os jogos de "O Elvas".

Neste jogo O Elvas utilizou na primeira parte o sistema 4-4-2 e na segunda parte o 4-3-3.
Na primeira parte teve a sua melhor prestação atacante neste campeonato. Verificou-se algum pressing evitando que o adversário ganhasse a posse de bola, teve mais circulação de bola e algum ataque organizado, com várias oportunidades desperdiçadas. No entanto, sofre um golo por oferta do nosso guarda-redes e fica em desvantagem injustamente. Continua a verificar-se um problema importante na defesa, sector esquerdo. Quanto ao regresso do Bruno Vidigal, teve um bom desempenho quer defensivamente quer ofensivamente. Notou-se um pouco a ausência do Xavi Pérez, no centro da defesa.        
Relativamente às substituições, não foram adequadas às necessidades do jogo. 
O jogador Álvaro que é um "carregador de pianos", notou-se a sua ausência na segunda parte, assim como Glaedson, para orientar as transições ofensivas. E mais uma vez não funcionaram as jogadas de estratégia (falta de treino). Pareceu-me este adversário bastante acessível e foi perdida uma oportunidade para encetar a possível recuperação.
       
Na segunda parte, foi mais que evidente a quebra física de O Elvas, que foi incapaz de manter o mesmo caudal ofensivo da primeira parte, entretanto, o Sacavenense foi controlando o jogo de acordo com o seu objectivo, que era não perder e através do contra-golpe conseguir algo mais.
     
 A conclusão que se retira deste jogo é que este campeonato é bastante equilibrado, mas O Elvas, com erros sucessivos, vai perdendo o comboio da manutenção.

domingo, 27 de novembro de 2011

Classificação

 Aqui fica a tabela classificativa do campeonato da 3ª Divisão Série E:


Posição
Equipa
P
J
V
E
D
GM
GS
1
23
10
7
2
1
15 5
2
18
10
5
3
2
14 7
3
14
10
3
5
2
14 12
4
14
10
3
5
2
8 6
5
13
10
3
4
3
14 12
6
13
10
3
4
3
15 14
7
13
10
3
4
3
14 15
8
13
10
3
3
4
14 14
9
12
10
3
2
5
10 12
10
11
10
2
5
3
14 17
11
11
10
2
4
4
12 18
12
7
10
2
1
7
10 22