domingo, 31 de agosto de 2014

Análise do Jogo "O Elvas" vs Real SC






Derrota pesada perante o Real Massamá por 0-4, em jogo a contar para a 1ª jornada do Campeonato Nacional de Juniores "A", 2ª divisão, série D.

O Real inaugurou o marcador logo aos 2 minutos de jogo por intermédio do avançado Luís Camará ponta de lança muito veloz de origem africana e proveniente do Atlético Clube de Portugal. O mesmo jogador no minuto 17' ampliou a contagem e adivinhava-se uma goleada na medida em que a equipa do Elvas demonstrava que não tinha andamento para este adversário em que a maioria dos seus jogadores já fez 18 anos de idade, enquanto que os jovens elvenses na sua maioria apenas têm 16 anos e deveriam estar no campeonato de sub 17. Esta diferença de dinâmicas é lógica na medida em que dois anos de diferença é bastante notório nestes escalões etários e não se compreende porque razão, tendo o clube apostado em participar neste campeonato não foi recrutar jogadores de sub 19 e aí sim, enfrentaria os seus adversários em pé de igualdade em termos etários.  


Mesmo assim, "O Elvas" poderia ter reduzido o marcador antes do intervalo, mas o jovem João Carlos, que é um dos atletas promissores do plantel elvense, na transformação de uma grande penalidade facilitou, permitindo a defesa ao guarda-redes Miguel Pereira.


Na segunda parte aconteceram mais dois golos da equipa do concelho de Sintra, que para além dos executantes, fez a diferença a sua melhor condição física e uma excelente circulação de bola que lhe permitia o domínio do jogo, causando muitas dificuldades ao setor defensivo do Elvas. O terceiro golo surge por intermédio de Diogo Soares no minuto 53. E já na fase final do jogo no minuto 82 Álvaro Pestana, acaba com as poucas esperanças que restavam aos jovens jogadores azul e oiro.


Na próxima jornada "O Elvas" desloca-se a Alverca, jogo que se antevê difícil, na medida em que este Alverca não é uma “pera doce” foi ganhar 4-2 a Mafra.


Em resumo, este conjunto de jogadores faria certamente um excelente campeonato de sub 17, mas sinceramente, a direção do clube e respetiva equipa técnica não decidiram da melhor forma, colocando em dificuldades estes jovens que até têm valor, disputando um campeonato de escalão superior, o que os fará desmotivar se os resultados continuarem a ser semelhantes ao da 1ª jornada, facto esse que não será também animador para a massa associativa e familiares dos jovens.


sábado, 16 de agosto de 2014

Futebol: "O Elvas", CAD suspende equipa sénior


AniversrioOElvasA“O Elvas”, Clube Alentejano de Desportos aprovou “por unanimidade, entre os três órgãos sociais do clube, não avançar com a equipa sénior de futebol”, avançou António Massano Simões, presidente da comissão administrativa, durante o almoço comemorativo dos 67 anos da coletividade. 




“O clube, neste momento, não tem condições para apresentar uma equipa que dignifique a história de “O Elvas””, salientou.

Em dia de aniversário do clube, o presidente da comissão mostrou-se “satisfeito pois o clube esteve prestes a encerrar a suas portas e nós conseguimos evitar que isso acontecesse”.

José Eduardo Gonçalves, antigo presidente da assembleia geral, garante que “os momentos bons foram mais que os maus ao longo dos 30 anos que passei pelo clube”. “Sai do cargo de presidente da Assembleia Geral mas vou estar sempre aqui quando “O Elvas” precisar”. Bi Gonçalves garante que O Elvas “precisa de renovação e é necessário que os jovens compreendam que são eles o futuro do clube”.

AniversrioOElvasB



João Rondão, presidente da Junta de Freguesia de Caia, São Pedro e Alcáçova e sócio do clube, felicitou todos os envolvidos na gestão deste clube.





Também Isabel Russo, presidente do Núcleo sportinguista de Elvas, marcou presença neste almoço convívio na qualidade de sócia do clube. “Este dia é muito especial porque nós vivemos “O Elvas” como se fosse uma parte de nós e este clube leva o nome da cidade para todo o lado”, referiu.


O programa comemorativo incluiu a cerimónia do hastear da bandeira, missa por alma dos sócios falecidos e um almoço comemorativo na sede da colectividade.


 

sexta-feira, 1 de agosto de 2014

"O Elvas": Comissão administrativa toma posse



1OElvasComissaoPosse

A comissão administrativa de “O Elvas” tomou posse na noite desta quinta-feira, 31 de julho. José Eduardo Gonçalves, aproveitou a ocasião, por achar oportuna, para fazer saber que não vai continuar a exercer o cargo de presidente da Assembleia Geral do clube, ao fim de 30 anos.

O até então presidente da Assembleia Geral de “O Elvas” tranquilizou a comissão administrativa, garantindo que vai, até 31 de maio de 2015, de forma “oficiosa”, auxiliar em tudo o que puder. “Acho que era a altura de fazer qualquer coisa, as pessoas estão adormecidas no Elvas e “O Elvas” não pode ser gerido sempre pelas mesmas pessoas”, adianta. “É uma atitude muito pensada, mas irrevogável”, sendo que a “porta vai estar sempre aberta”, acrescenta.

António Massano Simões, que encabeça a comissão administrativa de “O Elvas”, mostrou-se triste com a saída de José Eduardo Gonçalves, embora reconheça que “na prática”, continua tudo igual.
Para além de António Massano Simões, a comissão administrativa de “O Elvas” é composta por Carlos Xavier Camoesas, Joaquim Manuel Charruadas, José Manuel Sousa, Manuel Santos Dores e Maria Antónia Almeida. Salomé Mimoso Barbas, por motivos pessoais, deixa de constar da lista.

O “Caso Cirilo” chega amanhã ao fim, com a assinatura de um acordo entre as duas partes envolvidas.